home Uncategorized DECOMPOSIÇÃO DA RENDA DO TRABALHO

DECOMPOSIÇÃO DA RENDA DO TRABALHO

Relatório de Acompanhamento Fiscal do Senado apresenta uma realidade diferente da vendida pela imprensa na enfase economica. O Ministro da Economia fala sobre números, porém não condiz com a realidade.

Renda real do trabalho em queda pelo efeito da inflação. Ainda segundo dados da PNAD Contínua, o rendimento médio real no trimestre encerrado em fevereiro recuou 8,8% na comparação com o mesmo período do ano anterior. A variação dos rendimentos do trabalho, em termos reais, persiste no terreno negativo em virtude da inflação e do enfraquecimento do reajuste nominal, como ilustrado no Gráfico 9. Além da piora do poder de compra devido à inflação alta e persistente, o aumento mais concentrado das contratações em atividades de menor remuneração (efeito composição) também afeta negativamente a trajetória do rendimento médio. Já a massa de rendimentos do trabalho, indicador que combina a evolução da renda com o número de pessoas ocupadas, recuou 0,2% no trimestre encerrado em fevereiro de 2022 (em termos reais).

Fonte:
https://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/597313/RAF63_ABR2022.pdf

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.